Ao lado de Val Marchiori, Bia Doria disse que não é para oferecer alimentos e agasalhos aos moradores de rua - Reprodução Twitter
Ao lado de Val Marchiori, Bia Doria disse que não é para oferecer alimentos e agasalhos aos moradores de ruaReprodução Twitter
Por IG - Último Segundo
São Paulo - Questionado sobre o vídeo no qual a primeira-dama de São Paulo, Bia Doria, afirma que "a rua é um atrativo" para os moradores em situação de rua e sugere que isso seria uma escolha das pessoas escolheriam, o governador João Doria defendeu a esposa e afirma que o registro foi editado antes da publicação nas redes sociais.
"O vídeo foi editado e evidentemente feito com enorme maldade, sem menção do que antecedeu o vídeo", disse Doria, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira. Segundo ele, em um momento anterior ao registro Bia teria dito que "o ideal era o acolhimento das pessoas em sitação de rua".

Na publicação que viralizou em diferentes redes sociais, porém, Bia Doria afirma, em conversa com a socialite Val Marchiori, que "a pessoa [em situação de rua] tem que se conscientizar de que ela tem que sair da rua". Mais tarde no mesmo dia, a primeira-dama se desculpou pelo vídeo e afirmou que o trecho foi descontextualizado.