Criança morreu afogada em hotel de luxo, em Santos  - Reprodução/Redes Sociais
Criança morreu afogada em hotel de luxo, em Santos Reprodução/Redes Sociais
Por O Dia
São Paulo - Familiares da criança de cinco ano que morreu afogada em piscina de um hotel de luxo em Santos usaram as redes sociais para desabafar e fazer homenagens à vítima. Amigos da família também fizeram postagens lamentando o ocorrido.

Galeria de Fotos

Avó da criança lamentou a morte através das redes sociais Reprodução/Redes Sociais
Mãe de Bruno declarou 'luto' em seu perfil Reprodução/Redes Sociais
Familiares usaram as redes sociais para desabafar sobre o momento Reprodução/Redes Sociais
Criança morreu afogada em hotel de luxo, em Santos Reprodução/Redes Sociais
Bruno Pederson morreu por volta das 17h, na última quinta-feira. Ele estava com sua família em um hotel no bairro Gonzaga, litoral de São Paulo. Segundo informação da Polícia Militar, os agentes foram acionados para uma ocorrência de afogamento. Já no hospital, os PMs foram informados, através da mãe de Bruno, que ele se afogou enquanto a família estava na piscina do hotel. Um momento de distração causou a tragédia.
Publicidade
Pela primeira vez, os familiares manifestaram através das redes sociais seus sentimentos sobre a morte da criança. A avó de Bruno escreveu em seu perfil que é um momento de muita dor e que se sente "destruída" após o ocorrido. "Apesar de estar chapada de calmante, estou consciente que estou destruída, acabaram minhas forças. Meu netinho foi embora para sempre", lamentou.
A mãe de Bruno declarou luto em seu perfil, ele era seu filho mais novo. Moradores da cidade e amigos dos familiares prestaram condolências e fizeram homenagens nas redes sociais.
Publicidade
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a socorrer a criança e o levou ao Pronto Socorro da Santa Casa, onde faleceu.
A polícia apreendeu imagens dos fatos para auxiliar na investigação. Segundo a Polícia Civil, foi solicitada perícia no local e exame no Instituto Médico Legal (IML). O caso foi registrado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos e será investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).
Publicidade
O Parque Balneário Hotel emitiu uma nota afirmando que, diante da fatalidade ocorrida na tarde de quinta-feira, o empreendimento lamenta profundamente e se solidariza com os familiares. O hotel disse estar prestando todos os esclarecimentos às autoridades e todo o apoio necessário à família. O estabelecimento ainda destaca que prestou os primeiros socorros à criança no local e acionou os paramédicos.