Piscina com suástica e filho com nome de Adolf: candidato a vereador é expulso de partido

Professor Wander disputa o cargo de vereador; PL anunciou sua expulsão

Por IG - Último Segundo

Admirador do Nazismo e candidato a Vereador, Wandercy foi expulso do PL
Admirador do Nazismo e candidato a Vereador, Wandercy foi expulso do PL -
O Partido Liberal (PL) anunciou na última quinta(8) a expulsão de Wandercy Antônio Pugliesi, conhecido como "Professor Wander", após tomar conhecimento de atitudes no passado de apologia e admiração ao Nazismo.

O professor disputava o cargo de Vereador no município de Pomerode, na região do Vale do Itajaí em Santa Catarina. Em nota, o diretório catarinense do PL confirmou a saída do candidato:

“Por não compactuar ideologicamente com o filiado, o PL encaminhou o desligamento do mesmo. O partido reforça sua firme posição contra todo tipo de apologia à discriminação racial, religiosa e social”.

Professor Wander virou notícia em 2014 quando um policial civil, de cima de um helicóptero, flagrou uma piscina com azulejos escuros que formavam a suástica. Wander não foi denunciado, mas a foto viralizou e o fato virou notícia.

Antes, Wandercy já demonstrava ser um entusiasta nazista. Em 1994, ele mostrou em uma reportagem do Fantástico, da TV Globo, sua coleção com álbuns, fotos e emblemas do Terceiro Reich Alemão. Além disso, nomeou seu filho de Adolf.