Ex- ministro Sergio Moro - Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Ex- ministro Sergio MoroMarcello Casal Jr/Agência Brasil
Por IG - Último Segundo
Publicado 03/11/2020 14:58 | Atualizado 03/11/2020 14:59

São Paulo - Nesta terça-feira, Sergio Moro, ex-juiz e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, afirmou em suas redes sociais que acompanhar a eleição americana "requer prudência diplomática" e que os laços entre os Estados Unidos e o Brasil "transcendem relações pessoais". 

O comentário do ex-ministro veio após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) citar suspeita de fraude nas eleições americanas e manifestar, mais uma vez, seu apoio à reeleição do presidente Donald Trump, de quem é aliado.

"Acompanhar a eleição norte-americana requer prudência diplomática. Não somos eleitores naquele país. Os laços entre Brasil e Estados Unidos são fraternos e transcendem relações pessoais", compartilhou Moro em seu perfil do Twitter.

Hoje, no Estados Unidos, os americanos vão às urnas para escolherem entre o atual presidente Donald Trump e o democrata Joe Biden.

Você pode gostar