Por iG Último Segundo
O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello , pediu para deixar o comando do Ministério da Saúde alegando que está enfrenta problemas de saúde. Segundo interlocutores, o militar informou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que precisa de tempo para se reabilitar. A informação é do jornal O Globo.
O pedido de afastamento coincide com o auge da pressão de deputados do Centrão, que pleiteiam mudança no comando da pasta sob pretexto de má gestão durante a pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).
Publicidade
Neste sábado (13), Bolsonaro se reuniu com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para tratar do assunto. Depois do encontro, também conversou com os ministros Walter Braga Netto (Casa Civil), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo), Fernando Azevedo (Defesa) e o próprio Pazuello.