Matéria Salva!

Agora você pode ler esta notícia off-line

Matéria removida da seção links salvos
Publicidade

Criança de 2 anos morre após se machucar com presente que havia ganhado de Natal

Eloah Maiane Freira dos Santos foi estrear o brinquedo que havia pedido para a família, mas acabou sofrendo uma queda e se infectou com uma bactéria

Causa da morte de Eloah, segundo os pais, foi um choque séptico causado por uma bactéria no sangue dela, devido à infecção na ferida.Arquivo pessoal

Santa Catarina - Uma menina de 2 anos de idade morreu após complicações de um ferimento causado pela queda da bicicleta que havia acabado de ganhar de presente de Natal. Eloah Maiane Freira dos Santos foi estrear o brinquedo que havia pedido para a família, mas acabou sofrendo uma queda e se infectou com uma bactéria. 
O acidente provocou um ferimento na parte genital da criança, mas a mãe só soube no dia seguinte depois da menina reclamar de dor e também de apresentar febre, além do inchaço na região do corpo da criança.
Eloah foi levada para o hospital público, onde foi examinada e recebeu apenas remédios e indicação para banho morno. No entanto, com a piora dor e o aumento do inchaço, no dia 27, a família decidiu levar a menina em um hospital particular. A médica receitou remédios para a dor e inflamação.
Porém, nos dias seguintes, a menina não conseguia dormir e chegou a ter convulsões por volta de 3h, já na madrugada do dia 29. Os pais levaram correndo para o hospital e ela precisou ser internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).
A menina precisava ser transferida para outro hospital, mas não resistiu a troca de unidades. Ela morreu ainda na ambulância. A causa da morte foi um choque séptico causado por uma bactéria no sangue dela, devido à infecção na ferida.
O trágico acidente aconteceu em Santa Catarina, onde a família vivia, mas o enterro foi no cemitério de Peruíbe, litoral de São Paulo. A família era de Mongaguá, cidade vizinha a Peruíbe.
Você pode gostar
Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor.

mais notícias
Criança de 2 anos morre após se machucar com presente que havia ganhado de Natal | Brasil | O Dia
Matéria Salva!

Agora você pode ler esta notícia off-line

Matéria removida da seção links salvos
Publicidade

Criança de 2 anos morre após se machucar com presente que havia ganhado de Natal

Eloah Maiane Freira dos Santos foi estrear o brinquedo que havia pedido para a família, mas acabou sofrendo uma queda e se infectou com uma bactéria

Causa da morte de Eloah, segundo os pais, foi um choque séptico causado por uma bactéria no sangue dela, devido à infecção na ferida.Arquivo pessoal

Santa Catarina - Uma menina de 2 anos de idade morreu após complicações de um ferimento causado pela queda da bicicleta que havia acabado de ganhar de presente de Natal. Eloah Maiane Freira dos Santos foi estrear o brinquedo que havia pedido para a família, mas acabou sofrendo uma queda e se infectou com uma bactéria. 
O acidente provocou um ferimento na parte genital da criança, mas a mãe só soube no dia seguinte depois da menina reclamar de dor e também de apresentar febre, além do inchaço na região do corpo da criança.
Eloah foi levada para o hospital público, onde foi examinada e recebeu apenas remédios e indicação para banho morno. No entanto, com a piora dor e o aumento do inchaço, no dia 27, a família decidiu levar a menina em um hospital particular. A médica receitou remédios para a dor e inflamação.
Porém, nos dias seguintes, a menina não conseguia dormir e chegou a ter convulsões por volta de 3h, já na madrugada do dia 29. Os pais levaram correndo para o hospital e ela precisou ser internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).
A menina precisava ser transferida para outro hospital, mas não resistiu a troca de unidades. Ela morreu ainda na ambulância. A causa da morte foi um choque séptico causado por uma bactéria no sangue dela, devido à infecção na ferida.
O trágico acidente aconteceu em Santa Catarina, onde a família vivia, mas o enterro foi no cemitério de Peruíbe, litoral de São Paulo. A família era de Mongaguá, cidade vizinha a Peruíbe.
Você pode gostar
Comentários

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor.

mais notícias