Monarco faz show com Zeca Pagodinho e Alcione

Sambista chama os dois colegas para show no Teatro Bradesco nesta quinta-feira

Por RICARDO SCHOTT

Monarco: todas as escolas presentes em seus shows
Monarco: todas as escolas presentes em seus shows -

Rio - O veteraníssimo (85 anos) Monarco nem se recorda como começou a fazer samba. "Eu estudei muito pouco. Aos 8, 9 anos já despontava alguma coisa dentro de mim. Eu morava em Nova Iguaçu e já ouvia falar da Portela, depois ouvia os sambas que a Aracy de Almeida gravava...", conta Hildmar Diniz, nome verdadeiro do sambista. Que agora faz o show ‘Monarco convida Alcione e Zeca Pagodinho’, com participação dos dois colegas, nesta quinta, no Teatro Bradesco.

Ter participações de colegas do samba em seus shows é comum para Monarco, um cara que sempre mistura talentos e escolas de samba nas listas de convidados e escolhas de repertório. "Mesmo sendo um portelense, sou do samba. Em todos os meus shows enalteço meus velhos companheiros, não só da Portela. Cartola foi um dos meus professores, me deu muitos conselhos. Carlos Cachaça também... Se for falar dessa turma toda, vou ficar três dias aqui falando", brinca.

DISCO NOVO

No ano passado, Monarco lançou um disco novo, ‘Monarco de Todos os Tempos’, pela Biscoito Fino, com produção do filho Mauro Diniz. "Meu disco está muito bonito, viu? Mas eu sou suspeito para falar", brinca ele, que no álbum, apresenta sambas como ‘Vem Meu Grande Amor’, ‘Agora É Tarde’, ‘Hora da Partida’, ‘Vieste, Beijaste, Fugiste’. Além de um pot-pourri com ‘Não Te Perdoei, Nem Vou Perdoar’ (com Alcino Correa), ‘Meu Relógio Parou’ e ‘Vai Vadiar’ (também com Alcino, imortalizada por Zeca Pagodinho).

Sobre a produção feita pelo filho Mauro, Monarco afirma que seu filho é mais que um parceiro. “Ele sabe para onde eu vou, conhece os caminhos, descobre o acorde certo”, conta.

BARRA

O Teatro Bradesco Rio fica no Shopping Village Mall, na Avenida das Américas, 3900, loja 160, na Barra da Tijuca. Os ingressos para o show vão e R$ 80 a R$ 150. Estudantes e maiores de 65 anos pagam meia-entrada. O show começa às 22h.

 

Comentários