Mirtes (Elizabeth Savala) revela ao povo da cidade que o delegado Machado usa calcinha - Globo/Paulo Belote
Mirtes (Elizabeth Savala) revela ao povo da cidade que o delegado Machado usa calcinhaGlobo/Paulo Belote
Por Gabriel Sobreira

Rio - Vai ao ar hoje, em 'O Sétimo Guardião', da Globo, a sequência em que Mirtes (Elizabeth Savala) revela que o delegado Joubert Machado (Milhem Cortaz) tem uma tara por usar calcinha.

Depois de ter espalhado pela cidade inteira uma fofoca cifrada através do blog 'Tarja Preta', dizendo que em Serro Azul tem um homem que gosta de usar calcinhas, a falsa beata para nas escadas da igreja da cidade e convoca os moradores para um anúncio. Uma multidão de curiosos começa a se formar diante de Mirtes, que em alto e bom som grita aos quatro ventos a identidade daquele que, para ela, é uma "desonra para a cidade". E se trata justamente de Joubert.

Neste momento, o marido de Rita de Cássia (Flávia Alessandra) está no quiosque de Nicolau (Marcelo Serrado) e ouve desesperado o seu segredo ser espalhado e, sem saber o que fazer, entra em pânico. O delegado percebe que a população, boquiaberta, o observa. Apenas Milu (Zezé Polessa) tem olhar piedoso para ele, que não aguenta a reprovação dos conterrâneos e dá um grito de desespero.

"Essa cena não foi nada fácil. Eu tive uma ajuda muito grande do diretor Davi Lacerda. Ele jogou alguns desafios, repetimos algumas vezes, muitas vezes. E chegamos em um resultado que agrada a todos. Agradeço muito a ele, foi um trabalho muito minucioso, tirou bastante coisa de mim", conta Cortaz.

Depois da humilhação em praça pública, de acordo com o intérprete de Machado, o personagem se sente bastante vulnerável. "Isso acontece até as coisas se tornarem mais seguras. Até porque a gente tem o primeiro baque, por mais violento que seja, esse baque, uma hora ele ecoa, e aí floresce a essência do cara, uma paz. Um pensamento de que: 'Agora já foi, dane-se'", frisa.

Você pode gostar
Comentários