Estudantes alemães criam algoritmo para prever mortes em 'Game of Thrones'

Série estreia neste domingo no canal HBO

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Uma das características de 'Game of Thrones' são suas mortes marcantes
Uma das características de 'Game of Thrones' são suas mortes marcantes -

Rio - Estudantes de ciências da computação da Universidade Técnica de Munique, na Alemanha, desenvolveram um programa que vasculha a internet em busca de dados sobre "Game of Thrones" e, com um algoritmo, prevê quais personagens são mais propensos a morrer ou sobreviver ao final desta oitava e última temporada.

O supervisor do projeto, Guy Yachdav, disse que as taxas de sobrevivência são previstas com base em análises de longevidade semelhantes a de estudos científicos usadas para examinar os efeitos de tratamentos médicos.

Yachdav afirmou que, embora a análise "dependa de dados extraídos do mundo da fantasia, as mesmas técnicas de inteligência artificial são usadas exatamente como no mundo real".

Os resultados foram apresentados em um site. Segundo a previsão do programa, Daenerys Targaryen tem a maior chance de sobrevivência, com 99%, e Bronn é o mais propenso a morrer.

O programa também faz análises de morte e sobrevivência de acordo com a casa dos personagens, por exemplo. Há ainda comparações entre os dados da série e dos livros de George R. R. Martin.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários