Roberta Sá canta inéditas de Gilberto Gil

Lançamento do álbum 'Giro' acontece hoje, às 22h, no Circo Voador, na Lapa

Por Gabriel Sobreira

Roberta Sá canta inéditas de Gilberto Gil no Circo Voador
Roberta Sá canta inéditas de Gilberto Gil no Circo Voador -
O encontro das raízes nordestinas vai tomar conta palco do Circo Voador, na Lapa, hoje, a partir das 22h, com o lançamento de 'Giro', novo álbum da portiguar Roberta Sá com músicas inéditas do baiano Gilberto Gil. "O samba, aliás, foi o último ritmo a entrar no disco, talvez até pra trazer essa outra influência importante na minha formação musical e na minha trajetória", conta a cantora natural de Natal (RN).
A aproximação de Roberta Sá com Gil foi intermediada pelo jornalista Jorge Bastos Moreno (1954-2017), que foi uma espécie de padrinho do encontro. "Já havia gravado com Gil em 'Minha princesa cordel', canção que ele fez para a abertura de uma novela que eu adoro, 'Cordel Encantado' (Globo, 2011), mas foi nesses almoços de domingo na casa do Moreno que veio a ideia de fazer um álbum só com música dele", lembra Roberta. "O Bem (Gil, filho de Gilberto Gil) foi muito importante nesse processo, entre outras coisas por ter provocado, aí sim, as minhas quatro parcerias com Gil gravadas no disco", completa.
Para Roberta, foi uma honra viver a experiência de estar com Gil, independente do álbum. "O processo de gravar com Gil, de vê-lo trabalhando nas canções com aquela intensidade, com aquela sabedoria que faz a gente se sentir aconchegado, foi muito especial. Houve muito afeto, muita parceria e muita entrega por parte de todos os envolvidos no processo", defende ela, que conseguiu fazer Gil retomar a parceria com Jorge Ben Jor depois de mais de 40 anos.
"Foi numa festa de amigos. Estava conversando com o Jorge Ben Jor e disse que adoraria gravar algo dele um dia mas que, naquele momento, estava gravando um álbum só de inéditas do Gil. Perguntei, na maior cara de pau, se eles não fariam algo juntos para eu incluir no disco e eles disseram que sim. Pouco tempo depois recebi 'Ela diz que me ama', que acabou contando com a participação do Jorge", comemora Roberta.
Para a artista, até o local do show tem um 'Q' especial. "É um lugar que te dá esse sentimento de acolhimento, de afeto, de troca, que é o que a gente propõe com 'Giro'. É levantar a bandeira do afeto, agora dividindo esse sentimento com aquela plateia calorosa, especial do Circo Voador", derrete-se.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários