Orkut é impedido de usar o Tinder e faz apelo no Twitter

O fundador da rede social com o mesmo nome fez uma publicação que viralizou na internet

Por O Dia

Orkut Buyukkokten
Orkut Buyukkokten -
Rio - Orkut Buyukkokten, fundador da rede social com o mesmo nome, extinta em 2014, foi bloqueado do Tinder e usou o Twitter para pedir ajuda, nesta quarta-feira. Ele está no Brasil e aproveitou para conhecer pessoas novas. No relato, Orkut conta que alguém achou que o seu perfil era fake e fez a denúncia.
"Alguém tem um contato do Tinder? Estou em Porto Alegre, no Brasil. Alguns usuários acharam que minha conta era falsa e me denunciaram. O Tinder bloqueou minha conta. Eu estava no meio de conversas com pessoas, fazendo novos amigos. #tinder #eusoureal #precisodeajuda", escreveu no tweet.
O empresário turco trabalha atualmente no aplicativo Hello, uma espécie de evolução do orkut, que promete conectar o usuário com comunidades de pessoas com os mesmos interesses em todo o mundo. Ele está em Porto Alegre para participar de um evento de empreendedorismo e inovação.
Após a postagem no Twitter viralizar e chegar aos Trending Topics como um dos assuntos mais comentados da rede social, vários internautas ironizaram a situação e pediram pela volta do Orkut.
"ORKUT VAI PASSAR O CEROL NO SUL MANÉ, VAI MANDAR UM SCRAP E DEPOIS UM DEPO NAS NOVINHAS. ESSE É MEU GAROTO", brincou um usuário.
"tá explicado então porque orkut era muito mais divertido que facebook", comentou outro.
"O SEU ORKUT, VOLTA COM A REDE SOCIAL, NA MORALZINHA", apelou um terceiro.

Comentários