Mais Lidas

Justiça vai pagar atrasados para 3,7 mil aposentados

Segurados do INSS ganharam ações em outubro. Serão depositados R$ 60 milhões

Por thiago.antunes

Rio - Com o fim de ano chegando, aposentados e pensionistas do INSS que ganharam ação contra o instituto vão ter um reforço no orçamento. A Justiça Federal liberou R$ 60,9 milhões para pagar 3.736 segurados que venceram processos de revisão e concessão de benefícios contra a Previdência nos estados do Rio e do Espírito Santo. As sentenças foram proferidas em outubro. Os valores são limitados a 60 salários mínimos (R$ 52,8 mil), as Requisições de Pequeno Valor (RPVs).

Os recursos foram liberados pelo Conselho de Justiça Federal (CJF) para o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2), que abrange os dois estados. Para todo o país saíram R$ 846,8 milhões que vão quitar matérias previdenciárias. Ao todo serão beneficiados 74.028 segurados do INSS, referentes a 67.434 processos finalizados no mês passado.

As RPVs são creditadas em contas nas agências da Caixa ou do BBSeverino Silva / Agência O Dia

Segundo o conselho, a verba é repassada diretamente aos tribunais federais regionais, responsáveis pelos pagamentos dos processos. O calendário de liberação das RPVs é elaborado pelos TRFs. O da 2ª Região ainda não definiu quando vai começar a pagar os 3,7 mil segurados do Rio e do Espírito Santo.

As RPVs são depositadas para os segurados do INSS em contas abertas em agências do Banco do Brasil ou na Caixa Econômica Federal. O crédito é feito em nome de quem ganhou o processo.

Ao TRF da 1ª Região (DF, MG, GO, TO, MT, BA, PI, MA, PA, AM, AC, RR, RO e AP) foram liberados R$ 285,2 milhões para pagar 17.318 segurados. Já o TRF da 3ª Região (SP e MS) recebeu R$ 132,3 milhões relativos a 8.391 segurados beneficiados. O TRF da 4ª Região (RS, PR e SC) teve R$ 247, 1 milhões de 26.966 processos. O TRF da 5ª Região (PE, CE, AL, SE, RN e PB) vai pagar R$ 121 milhões para quitar 11.023 processos de 15.763 beneficiados do INSS.

Consulta na Internet

Os aposentados e pensionistas podem verificar quanto e quando vão receber de atrasados pela internet na página do tribunal (www.trf2.jus.br). Ao entrar, devem ir ao menu à esquerda, procurar o campo Precatórios/RPV. Os segurados precisam clicar em Consultas, depois em Pesquisa ao Público.

Para acompanhar, os interessados devem ter o número do requerimento ou do CPF ou da ação judicial. Ao digitar o código basta clicar em confirmar para concluir a operação.

Greve no dia 5 de dezembro

Nove centrais sindicais decidiram ontem fazer uma greve geral no dia 5 de dezembro em protesto contra a Reforma da Previdência. A data escolhida é a véspera do prazo previsto pelo governo Temer de votar a PEC 287 na Câmara dos Deputados. O secretário-geral da Força Sindical, José Carlos Gonçalves, o Juruna, informou que o movimento será mais forte nas capitais e voltado para o setor de transportes públicos.

A Central Única dos Trabalhadores (CUT) vai orientar suas bases para pressionar congressistas a fim de que votem contra o projeto. Para a entidade, a PEC "não tem nada de positivo".

Segundo Antonio Neto, presidente da CSB, haverá forte resistência do movimento sindical contra a intenção do governo e do Congresso de retirar direitos dos trabalhadores. A Força Sindical classificou o novo texto da reforma como uma "Black Friday" de direitos, em referência às liquidações de preços do comércio que ocorreu ontem.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia