Clube acerta parte dos vencimentos atrasados

Diretoria vascaína ainda deve um mês de salário e dois de direitos de imagem

Por Lance


                        
                        
                    Campello propôs empréstimo de mais R$ 20 milhões ao Vasco (Foto: Luiza Sá)
Campello propôs empréstimo de mais R$ 20 milhões ao Vasco (Foto: Luiza Sá) -

Os R$ 10 milhões de empréstimo finalmente saíram e o Vasco conseguiu acertar parte de sua dívida com os jogadores, que receberam o salário de abril — assim como os funcionários — e os direitos de imagem referentes a março.

A dívida ainda é alta. Falta pagar o salário de maio de jogadores e funcionários (que também têm a receber 13º e férias de 2017), além de dois meses de direitos de imagem. Para isso, a diretoria vascaína espera conseguir a aprovação do Conselho Deliberativo de novo empréstimo, desta vez de R$ 20 milhões. A votação acontecerá na sexta-feira, e o presidente Alexandre Campello conta com esse valor para conseguir o alívio financeiro até o fim do ano.

Na primeira tentativa de aprovação do empréstimo no Deliberativo, conselheiros da oposição não compareceram à votação, que não teve quórum para ser realizada.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários