Presidente da FIA, sobre estado de Schumacher: 'Continua lutando'

Jean Todt é uma das únicas pessoas que tem acesso a Schumacher

Por O Dia

Michael Schumacher
Michael Schumacher -
França - O presidente da Federação Internacional de Automobilismo, Jean Todt, fez um breve comentário sobre o estado de saúde do heptacampeão mundial, Michael Schumacher.

O mandatário da FIA e ex-chefe de Schumacher nos tempos de Ferrari declarou que o alemão conta com muito apoio de seus familiares e segue lutando firme pela vida, após um grave acidente enquanto praticava esqui em 2013, em Méribel, na França. Durante o GP da França realizado ontem, Todt se pronunciou.

"É uma coisa muito particular. Michael está muito bem amparado. Mora com sua família entre Genebra e Lausanne. Ele continua lutando. É a única coisa que posso dizer", falou Todt à rádio "RMC Sport".

Ao que se sabe, apenas amigos íntimos como Jean Todt, Ross Brawn e Felipe Massa, visitam Schumacher, e nenhuma dessas pessoas costuma dar declarações com muitos detalhes sobre a saúde do alemão.

Há quase seis anos, o ex-piloto bateu a cabeça em uma rocha, o que acarretou em diversas lesões no cérebro, fazendo com que desde então sua condição de saúde fosse um segredo guardado as sete chaves.

Comentários