Trump assina decreto para impor mais sanções ao Irã

Medida é 'resposta forte e proporcional' às ofensivas de Teerã e tem como alvo o líder supremo iraniano, Ali Khamenei, e seu gabinete, que, segundo Trump, são responsáveis pela 'conduta hostil' do regime

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Donald Trump
Donald Trump -
Rio - O presidente americano, Donald Trump, assinou há pouco um decreto que impõe sanções financeiras adicionais ao Irã. A medida é uma "resposta forte e proporcional" às ofensivas de Teerã e tem como alvo o líder supremo iraniano, Ali Khamenei, e seu gabinete, que, segundo Trump, são responsáveis pela "conduta hostil" do regime.

Em fala na Casa Branca a repórteres, Trump acrescentou que "não queremos conflito com o Irã nem com qualquer outro país", e destacou estar "ansioso" pelo momento em que as sanções impostas hoje serão retiradas, o que dependerá da mudança de postura do país persa. Segundo o presidente americano, o Irã espalha "o terror".

"Vamos continuar aumentando a pressão contra Teerã até o regime abandonar medidas perigosas", destacou o republicano. Ele voltou a criticar o acordo nuclear feito com o Irã em 2015, deixado pelos EUA, classificando-o como "um desastre". "Não estava cumprindo o que deveria", disse. "O Irã é capaz de fazer armas nucleares e isso é inaceitável", afirmou Trump.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários