Edir Macedo publica vídeo com informações falsas sobre coronavírus e atribui preocupação a satanás

Bispo atribuiu a tensão que o mundo vive com a doença a uma 'tática de satanás' e ao trabalho da mídia; Rio registrou o primeiro caso de um paciente que apresenta o estado de saúde muito grave por causa da contaminação por coronavírus

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Edir Macedo
Edir Macedo -
Em uma transmissão ao vivo em sua página no Facebook, o bispo Edir Macedo disse aos fiéis que não se preocupem com a propagação do coronavírus. Ele atribuiu a tensão que o mundo vive com a doença a uma "tática de satanás" e ao trabalho da mídia. A informação foi  confirmada pelo jornal O Estado de S. Paulo.
"Meu amigo e minha amiga, não se preocupe com o coronavírus. Porque essa é a tática, ou mais uma tática, de satanás. Satanás trabalha com o medo, o pavor. Trabalha com a dúvida. E quando as pessoas ficam apavoradas, com medo, em dúvida, as pessoas ficam fracas, débeis e suscetíveis. Qualquer ventinho que tiver é uma pneumonia para elas", diz o líder da Igreja Universal em vídeo transmitido na última quarta-feira.

Galeria de Fotos

Bispo Edir Macedo, e a esposa, Ester, em programa Reprodução/ Instagram
Bispo Edir Macedo Reprodução/ R7
Bispo Edir Macedo Reprodução
Jair Bolsonaro e Edir Macedo Reprodução do Youtube
Bolsonaro recebe unção de Edir Macedo no Templo de Salomão Reprodução do Twitter
Edir Macedo Reprodução
Na transmissão, Macedo endossa e reproduz a fala do patologista Beny Schmidt, em vídeo que foi divulgado pelo médico com informações falsas em seu canal do YouTube. Na gravação, o professor de Medicina diz que o coronavírus não causa gripe e não é letal, contrariando os dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde, por cientistas e o cenário de pandemia que se instalou. Após o vídeo viralizar, nos últimos dias, o médico o tirou do ar. No entanto, o material já havia sido salvo por várias pessoas, que continuam compartilhando-o. O material também caiu em redes de direita e sofreu algumas edições, conforme publicou o jornal O Estado de S. Paulo.

Ao introduzir a fala do médico, o bispo diz ainda: "O pavor que a mídia tem usado para levar as populações, as nações, apavoradas com respeito a esse vírus, coronavírus. Por trás de toda essa campanha do coronavírus existe um interesse econômico. E onde há interesse econômico, aí tem".

Em seu site, a Igreja Universal publicou uma lista de cuidados em relação à Covid-19 no dia 12 de março.
O Estado do Rio registrou o primeiro caso de um paciente que apresenta o estado de saúde muito grave por causa da contaminação por coronavírus. Segundo a Secretaria estadual de Saúde, o homem, que tem mais de 60 anos, está internado.

Até agora, 24 pessoas foram infectadas pela doença no Rio. Mais 95 casos suspeitos estão sendo investigados pelas autoridades sanitárias estaduais. Em todo o Brasil, foram confirmados 200 casos.
Segundo o governo do estado, é preciso tomar medidas preventivas para que o número de pessoas contaminadas seja menor. Sem as medidas de prevenção, é provável que uma pessoa infectada contamine outras três. Já com as medidas de prevenção, o governo espera que uma pessoa infectada contamine apenas mais uma pessoa.
A Secretaria Estadual de Defesa Civil informou que o Estado do Rio pode ter até 24 mil casos de coronavírus até o dia 4 de abril se as medidas preventivas para evitar o contágio não sejam adotadas pela população. Se todos adotarem esses cuidados, o número de casos previstos caem para três mil.

Comentários