Donald Trump e o deputado americano Dan Johnson, encontrado morto com um tiro na cabeça 

 - Facebook
Donald Trump e o deputado americano Dan Johnson, encontrado morto com um tiro na cabeça Facebook
Por AFP
Publicado 14/12/2017 08:22 | Atualizado 14/12/2017 08:46

Washington - Acusado de abusar de uma adolescente, o representante republicano, deputado pelo estado americano do Kentucky, Dan Johnson, foi encontrado morto, nesta quarta-feira, com um tiro na cabeça, provavelmente por suicídio, segundo informações da imprensa local.

Pouco antes, Johnson havia postado uma mensagem no Facebook, negando as acusações reveladas pelo Kentucky Center for Investigative Reporting, uma organização criada pela rádio pública de Kentucky.

"As acusações (...) são falsas. DEUS e apenas DEUS sabe a verdade", escreveu Johnson, segundo o Louisville Courier-Journal, em uma mensagem que depois foi apagada.

Uma mulher acusou o representante de ter abusado dela em uma festa de fim de ano em 2012, quando tinha 17 anos.

O juiz de instrução, David Billings, do condado de Bullitt, explicou à imprensa que a publicação no Facebook deflagrou uma busca, o que levou a encontrar Johnson morto com um tiro na cabeça.

Você pode gostar
Comentários