Mulher é morta após denunciar namorado por agressão

Poucas horas após registrar queixa contra Jhonatan Campos, Lidiane Oliveira foi morta a facadas por ele dentro de casa.

Por Carolina Freitas*

Foto: Facebook/Reprodução
Foto: Facebook/Reprodução -

Paraná - Poucas horas após registrar queixa contra o namorado, uma mulher foi morta a facadas por ele dentro de casa, em Ponta Grossa, no Paraná, na madrugada deste domingo. Segundo o delegado Nagib Palma, Jhonatan Campos, 22 anos, e Lidiane Oliveira, 24, tinham ido a um bar na noite de sábado e, na volta, houve uma discussão. Nagib acredita que a briga foi motivada por ciúmes. Além de Lidiane, Jhonatan ainda esfaqueou a mãe da jovem, Rosa Aparecida Oliveira, 60 anos.

Ainda conforme o delegado, o assassino quebrou um objeto durante a discussão e Lidiane saiu de casa para chamar a Polícia Militar, que foi ao local e registrou um boletim de ocorrência.

"Cerca de uma ou duas horas depois, o rapaz conseguiu voltar e entrou pelos fundos da casa. Talvez a porta estivesse aberta ou ele tivesse a chave. A vítima estava no banho, foi esfaqueada, e saiu pedindo socorro, mas infelizmente não resistiu. A mãe tentou ajudar a filha, mas foi esfaqueada também. Ela foi levada para o Hospital Regional", disse o delegado.

Após desferir os golpes de faca nas duas, Jhonatan fugiu. A polícia faz buscas pelo seu paradeiro. Ainda não há informações sobre o estado de saúde de Rosa Aparecida e sobre a data e local de sepultamento de Lidiane.

*Estagiária sob a supervisão de Thiago Antunes 

 

Comentários