Áudio vazado mostra Dallagnol comemorando suspensão de entrevista com Lula

Um mês após primeiro vazamento, The Intercept Brasil publica seu primeiro áudio, mostrando coordenador da Operação Lava Jato comemorando suspensão da entrevista com ex-presidente durante as eleições de 2018

Por O Dia

Deltan Dallagnol, procurador do MPF, chefe da força-tarefa da Lava Jato
Deltan Dallagnol, procurador do MPF, chefe da força-tarefa da Lava Jato -
Rio - Um mês após o primeiro vazamento revelando diálogos entre o atual ministro da Justiça, Sergio Moro, e procuradores da Operação Lava Jato, o site The Intercept Brasil publicou seu primeiro áudio nesta terça-feira. A gravação mostra o coordenador da força-tarefa, Deltan Dallagnol, comemorando a suspensão da liminar que permitia que o ex-presidente Lula concedesse entrevista, durante as eleições presidenciais de 2018.
Dallagnol orienta ainda os demais procuradores presentes no grupo de Telegram a não comentar a decisão publicamente e tentar ocultá-la o máximo possível, para atrasar o recurso "de quem tem uma posição contrária".
Segue a transcrição do áudio, na íntegra:
"Caros, o... o Fux deu uma liminar, suspendendo a decisão do Lewandowski, que autorizava a entrevista, dizendo que vai ter que esperar a decisão no plenário. Agora, não, não... não vamos alardear isso aí, não vamos falar pra ninguém, vamos manter, ficar quieto, pra evitar a divulgação o quanto for possível. Porque quanto antes divulgar isso, antes vai ter recurso do outro lado, antes isso aí vai pro plenário, então o quanto, assim... É... O pessoal pediu pra gente não comentar isso aí publicamente e deixar que a notícia surja por outros canais pra... pra evitar precipitar recurso de quem é... tem uma posição contrária à nossa. Mas a notícia é boa, pra começar... começar... terminar bem a semana, depois de tantas coisas ruins, e começar bem o final de semana. Abraços, falou!"
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários