Bolsonaro se compara a personagem de desenho animado Johnny Bravo em coletiva

Presidente se irritou com jornalistas ao ser questionado sobre a indicação do filho à embaixada do Brasil nos Estados Unidos

Por O Dia

Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro -
Rio - O Presidente da República se irritou durante uma coletiva de imprensa realizada nesta segunda-feira ao ser questionado sobre a indicação do filho, Eduardo Bolsonaro, para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos. Sem responder a pergunta, ele se comparou ao personagem Johnny Bravo, famoso nos anos 1990.
Em sua fala, Bolsonaro afirmou que a imprensa segue se comportando como se o Brasil ainda estivesse em meio às eleições presidenciais e que esse comportamento era uma bobagem. Ele completou que o trabalho da imprensa era excelente, mas que a campanha havia acabado: "Vamos parar com essa bobagem, a campanha acabou para a imprensa. Eu ganhei! A imprensa tem que entender que eu ganhei. Eu, Johnny Bravo, Jair Bolsonaro, ganhou, p...! Ganhou, p...! Vamos entender isso", destacou ao aumentar o tom de voz e se direcionando a apoiadores que estavam presentes.
A comparação entre o presidente e o desenho animado logo se tornou uma das mais comentadas do Twitter ficando em segundo lugar dos assuntos mais falados na rede social, com mais de 19 mil menções. Bolsonaro aproveitou o sucesso da fala para compartilhar uma foto do personagem em sua conta oficial na rede.
Johnny Bravo
O personagem é um homem alto, loiro e musculoso, muito mulherengo, que costumava ser rejeitado por quase todas as garotas que tentava conquistar. As mulheres o rejeitavam por sua estupidez e modos desagradáveis. Mesmo adulto, ele ainda mora com a mãe, Bunny, que o defende a qualquer momento como uma criança de oito anos. O programa é guiado basicamente pela necessidade de Johny arrumar uma namorada e fracassar em todas as tentativas.-
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários