Motoboy de aplicativo é preso acusado de abusar de mulheres durante entregas

Segundo a polícia, o homem trabalhava entregando comidas. Oito vítimas registraram boletim de ocorrência

Por O Dia

Homem foi flagrado por câmeras de segurança perseguindo mulheres
Homem foi flagrado por câmeras de segurança perseguindo mulheres -
São Paulo - Um motoboy de 25 anos que trabalhava como entregador de comidas foi preso nesta terça-feira em Sorocaba, interior de São Paulo, por estupro e importunação sexual. A polícia chegou até o acusado após acessar imagens de câmeras de seguranças que registraram uma das ações.
De acordo com a polícia, oito vítimas já registraram boletim de ocorrência contra o entregador. Em um deles, o crime citado é estupro.
Segundo a delegada Veraly Ferraz, da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), o homem trabalhava como entregador de comidas por aplicativo e cometia os abusos durante as entregas. "O número de casos pode aumentar. Além de confessar os oito casos, ele disse que fez muito mais. Estamos aguardando que as demais vítimas compareçam à delegacia para que possamos tomar providências", afirmou a policial ao G1.

Em um dos vídeos, é possível ver uma mulher andando pela calçada com um guarda-chuva, enquanto o suspeito a acompanha de moto. Na sequência, a vítima aparece correndo e o homem a segue com a moto.

Outro vídeo mostra o criminoso entrando em uma loja, com uma das mãos dentro da calça, utilizando capacete, mochila de entrega e andando em direção a três mulheres que estavam no fundo do estabelecimento.

O homem foi preso na casa da sogra, onde os policiais encontraram roupas, capacetes e mochilas iguais aos usados pelo bandido nos crimes flagrados pelas câmeras.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários