Governador de Goiás, Ronaldo Caiado - Antonio Cruz / Agência Brasil
Governador de Goiás, Ronaldo CaiadoAntonio Cruz / Agência Brasil
Por O Dia
Rio - Antigo aliado e apoiador de Bolsonaro, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, criticou duramente as medidas e declarações feitas pelo presidente nesta terça-feira.
"Fui aliado de primeira hora, durante todo o tempo. Mas não posso admitir que venha agora um presidente lavar as mãos e responsabilizar outras pessoas por um colapso. Não faz parte da postura de governante.", afirmou o governador, que também é médico.
Publicidade
Caiado também citou uma frase do ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama: "Na política e na vida a ignorância não é uma virtude”.
Publicidade
“É um rompimento total, definitivo. Acabou.”, concluiu.