Mulher sem máscara é expulsa do metrô Reprodução/Redes Sociais

São Paulo - Uma passageira do metrô de São Paulo que se recusou a colocar a máscara foi expulsa do vagão por uma profissional da Saúde, que também era passageira. A situação foi gravada e viralizou nas redes sociais. Segundo o autor do vídeo, o caso aconteceu no Metrô Santana.
Assista:
Nas imagens, é possível ver duas mulheres discutindo em lados opostos do vagão. A passageira de calças branca é a profissional de saúde, que diz que a mulher sem máscara está "desrespeitando todo mundo" por não utilizar a medida sanitária contra a covid-19.
Em tom de provocação, a mulher sem máscara diz: "Joga, joga (para fora do trem)". Foi então que a especialista em saúde pegou os pertences da mulher (bolsa e uma sacola) e jogou para fora do metrô quando o trem parou em uma estação. 
A mulher corre para pegar os objetos e quando tenta voltar para dentro do vagão, é barrada pela profissional de saúde. "Passo 12 horas dentro de um hospital e o pessoal desrespeitando tudo mundo", justificou.
Um homem ainda tentou apartar a briga entre as duas mulheres, mas não obteve sucesso. Após a moça sem máscara não conseguir entrar mais no vagão, os demais passageiros aplaudiram a mulher que a retirou do ambiente.
"Muito bem", disse uma passageira. Outra voz não identificada no vídeo ainda disse: "Vai embora sua nojenta".