Colaborador de Anitta e Kevin O Chris, Donatto estreia com EP

Ex-ator infantil e participante do 'Ídolos Kids', ele gravou uma canção chamada 'Netflix'

Por RICARDO SCHOTT

Donatto
Donatto -
Rio - Donatto Veríssimo, ou simplesmente Donatto, estreia com seu primeiro EP, 'Mixtape', mas não é um rosto desconhecido. Em 2012, quando tinha apenas 11 anos, participou do programa 'Ídolos Kids', emendando depois com o papel de Samuca, em 'Chiquititas', no SBT. Depois, passou a se dedicar à música. Passou dois anos compondo e foi descoberto pelo produtor Umberto Tavares.
"Inclusive, acabou de completar um ano que eu vim para o Rio, foi num dia 8 de novembro", conta o cantor, que é nascido em Curitiba e, antes, vivia em São Paulo. "Nesses dois anos que eu fiquei trancado no quarto compondo e produzindo músicas, eu fazia só para mim mesmo para eu ficar escutando. Nem pensava que iam ser gravadas por alguém".
O envolvimento com música veio desde criança. "Sempre fui apaixonado e quando minha família percebeu isso, me deu um violão. Fiz conservatório de 2006 a 2011, estudando sempre MPB", conta. "No 'Ídolos Kids' foi a primeira vez que tiraram o violão da minha mão, eu nunca cantava. Eram doze mil crianças e fiquei entre as 25 melhores". Os jurados da edição infantil do programa eram Afonso Nigro, João Gordo e Kelly Key. "Eu fiquei muito nervoso por causa do João Gordo, mas ele foi bem legal. E foi naquele momento em que eu descobri que música era o que realmente eu queria fazer da vida", recorda.
Kevin
Ao fazer contato com Umberto, Donatto acabou sendo convocado para participar de várias músicas lançadas pelo produtor, seja como arranjador ou produtor. Esteve por trás de 'Rabetão', de Gabily, Xamã e Clau, 'Envolvente', sucesso com Buchecha, e 'Indomável', com Belo e PK. O cantor também está envolvido na produção do DVD do funkeiro Kevin O Chris.
"Kevin é uma pessoa maravilhosa e foi um prazer participar de todo o processo, do repertório aos arranjos", conta Donatto, que também participou do projeto 'Anittinha', de Anitta, feito para o canal Gloob. Esses projetos estão num rol de duzentos (!) trabalhos que Donatto diz ter feito ao lado de Umberto. "Duzentos é chute meu, mas a gente passava o dia trabalhando, fazia três, quatro músicas por dia. Foi quase uma universidade".
Netflix
'Mixtape' tem quatro faixas. 'Ei Garota', já lançada como single, ganhou clipe. E tem também 'Netflix', cuja letra fala que "o cinema é bom mas a Netflix é melhor". Donatto é fã de séries. "Adorei 'Black List', me marcou muito", conta. E diz não ter sido procurado pela provedora de filmes e séries para nenhuma campanha com a música, ainda. "Mas quem sabe, né? Estamos aí para isso", brinca.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Donatto Divulgação/Tiago Farina
Donatto Divulgação/Tiago Farina
Donatto: estudos de MPB antes do pop (capa do EP 'Mixtape' à direita) Divulgação

Comentários