Restaurante multipremiado faz sucesso no Cadeg

No Costelão, além dos tradicionais cortes de carne, há opções de frango e até mesmo bacalhau, tudo feito na brasa

Por O Dia

Rio - Centro de Abastecimento do Estado da Guanabara. Você pode até não conhecer o nome formal, mas com certeza sabe que lugar é esse. Popularmente conhecido como Cadeg, o Mercado Municipal do Rio de Janeiro conta com uma infinidade de serviços e produtos para os cariocas. Localizado em Benfica, na Zona Norte, o local é referência. Em um mesmo ambiente, é possível, por exemplo, comprar um morango de altíssima qualidade, um lindo buquê de flores, uma ótima costela na brasa ou até mesmo um vinho para degustar.

Construído em 1962, o Cadeg tem 58 anos de existência e relevância para o Rio. Prova disso foi que, em 2018, o local foi tombado como Patrimônio Oficial Público do Rio de Janeiro após aprovação da Câmara Municipal. Além de ser referência na qualidade e no preço de flores, frutas e bebidas, o Cadeg também se tornou um polo gastronômico. Há uma infinidade de variedade de bares, restaurantes e lanchonetes com as mais variadas especialidades.

"No Cadeg, você faz as suas compras e termina almoçando em um dos bons restaurantes que temos aqui. São cerca de 40 estabelecimentos, que vão desde botequins até locais com chefes renomados e premiados", conta Armed Nemr, vice-presidente do Cadeg.

Um dos destaques do local é o multipremiado Costelão. Eleito como o melhor restaurante de carne/churrasco da cidade, o local também se destaca pela fartura. Isso fica claro não só nas carnes, que são sempre bem servidas, como também nas guarnições de acompanhamento. 

Engana-se quem pensa que a costela é o principal prato casa. Por lá, a especialidade é a carne, seja ela de qual tipo for. No cardápio há picanha, hambúrguer, frango, bacalhau, entre outros cortes. Uma das novidades é o Hambúrguer Costelão. O blend é secreto, mas é claro, envolve a aclamada costela. Vem servido com queijo, picles e cebola crispy, além de batata frita do tipo canoa para acompanhar. 

Palco de diversos almoços dominicais de família há mais de 10 anos, o Costelão também tem pratos para mais gente. É o caso do bacalhau, servido com batatas e arroz de brócolis que ilustra essa página. Segundo o restaurante, a porção serve três pessoas, mas a quantidade é tanta que um quarto integrante também consegue comer sem problemas.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários