Kaysar Dadour e Rodrigo Lombardi protagonizam o longa 'Carcereiros'

Filme marca a estreia do ex-BBB nos cinemas e conta uma história cheia de ação e mistérios

Por BÁRBARA SARYNE

Carcereiros - filme - Adriano ( Rodrigo Lombardi ) e Abdel ( Kaysar Dadour )
Carcereiros - filme - Adriano ( Rodrigo Lombardi ) e Abdel ( Kaysar Dadour ) -

Rio - Quem encontra Kaysar Dadour e Rodrigo Lombardi fora dos estúdios nem imagina que a dupla se enfrenta no cinema. Em 'Carcereiros', filme que estreia hoje, Rodrigo interpreta o agente penitenciário Adriano. Ético e humanista, o profissional se vê num dilema ao precisar defender o terrorista Abdel, personagem de Kaysar, da luta entre duas facções criminosas.

Como se não bastasse o clima acirrado no presídio, Adriano se desespera ao notar que a cadeia foi invadida. Será que vieram resgatar o mais temido prisioneiro? Com várias possibilidades, o filme mostra uma noite carregada de ação e suspense dentro do presídio. Para Lombardi, o segredo de 'Carcereiros' é deixar o público sem piscar um segundo para entender todos os lados da história e se surpreender ao longo da narrativa.

Em seu primeiro trabalho como ator, gravado antes de sua participação em 'Órfãos da Terra', Kaysar surpreende em cenas de ação mesmo com poucas falas. Na história, o personagem não sabe se comunicar em português e acaba se virando com um péssimo inglês. Conhecedor dos dois idiomas na vida real, o ex-BBB conta que fingir não entender nada do que diziam foi apenas um dos desafios.

"É a primeira vez que apareço em um filme. É tudo muito novo. Atuei a maior parte do tempo junto com o Rodrigo Lombardi e o Tony Tornado. Graças a Deus, estava com eles. Os dois foram muito gente boa e me ajudaram muito. Eles fizeram eu me sentir seguro, faziam muitas brincadeiras para aliviar a história", conta o sírio, que recebeu convite do diretor José Eduardo Belmonte para estrelar o longa.

Na época, Kaysar fez o teste por vídeo com a ajuda de um amigo. "Chamei um amigo para me ajudar a gravar e mandei para o Belmonte sem saber se ele ia gostar, mas ainda bem que curtiu e me aceitou no projeto. Fiquei feliz e animado de ter sido convidado para fazer o filme. Ao mesmo tempo fiquei ansioso e um pouco perdido no que teria que fazer (risos). A partir daí, assisti a alguns materiais para me preparar. Assisti séries de ação, de presídio e fui chegando a algumas conclusões sobre como fazer o papel", conta.

Desde a escalação de Kaysar, Rodrigo Lombardi sabia que teria a responsabilidade de ajudar o novato em sua estreia. O que ele não imaginava é que o ex-BBB surpreenderia na hora das gravações que aconteceram em São Paulo, no bairro do Belenzinho.

"O Kaysar foi uma grata surpresa. Ele soube lidar muito bem com essa história de esquecer que tem uma câmera ali. Eu falei que teríamos que dar todo o suporte a ele, para ele conseguir fazer as cenas dele, já que ele nunca tinha feito cinema. É impressionante a disponibilidade que ele teve, ele se doou muito e percebeu muito rápido que quanto mais simples, melhor. Ele fez um grande trabalho nesse filme", elogia o artista.

Sucesso da série

O sucesso da série 'Carcereiros', com duas temporadas disponíveis no Globoplay, deu lugar ao filme. Segundo Lombardi, o elenco tinha tantas ideias nos bastidores que a obra ganhou uma história exclusiva para o cinema. O fato de já ter interpretado o personagem na série só contribuiu para o desempenho do ator nas telonas.

"As pessoas que conhecem a série já entendem bem o universo do filme e quem não viu pode ver o filme sem problema nenhum porque é só uma história de um homem comum no seu trabalho", explica Rodrigo, que se destacou na pele de Adriano e fez amizade com agentes penitenciários da vida real após a experiência.

Segundo o ator, muitos passaram a enviar mensagens em suas redes sociais para compartilhar histórias. "Eles me ajudaram a criar esse personagem. Eu os observava trabalhando e eles se colocavam frente à equipe. Quando a primeira temporada da série foi ao ar, comecei a receber o retorno disso. Muitos agradeceram e se sentiram representados na TV".

Desde a sua rápida preparação para interpretar Adriano na série, Rodrigo mudou sua visão sobre o sistema prisional. Segundo ele, cada um tem a sua individualidade e os seus porquês. Também não podemos esquecer que muitos vão parar na cadeia injustamente.

"A pessoa acaba não saindo por não ter um advogado, porque o caso foi esquecido ou até mesmo porque perdeu a noção de tempo ou porque caiu ali dentro e não tem noção de lei ou do seus direitos", avalia.

Rodrigo Lombardi conclui que todo ser humano é capaz de evoluir, mas o sistema precisa mudar para que isso aconteça. "90% das pessoas que estão presas não tiveram essa oportunidade ou tiveram essa sorte e quiseram cortar caminhos. Existe uma frase da Darcy Ribeiro que diz 'Se nossos governadores não construírem escolas, em 20 anos faltará dinheiro para construir presídios', e é isso que aprendi na série", finaliza o galã.

 

Galeria de Fotos

Carcereiros - filme - Adriano ( Rodrigo Lombardi ) e Abdel ( Kaysar Dadour ) Ramon Vasconcelos/Rede Globo
No alto, Kaysar Dadour como o terrorista Abdel. Acima, o ex-BBB com Rodrigo Lombardi em cenas do longa. À esq., os dois com Tony Tornado e Ivan de Almeida fotos Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Carcereiros - filme - Abdel ( Kaysar Dadour ) Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Carcereiros - filme - Abdel ( Kaysar Dadour ) Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Carcereiros - filme - Abdel ( Kaysar Dadour ) Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Cap 1 Cena 24D â.“ Noite â.“ corredor â.“ acesso raios â.“ Adriano ( Rodrigo Lombardi ) e Valdir ( Tony Tornado ) levam Abdel ( Kaysar Dadour ) pra cela. Cabelo ( Germano Pereira) e detentos ameaçam o terrorista. Juarez ( Romulo Braga ) vê. Bastidores Ramon Vasconcelos/Rede Globo
Carcereiros - filme Ramon Vasconcelos/Rede Globo

Comentários