Silvio Santos é acusado de racismo na internet

Cantora Jennyfer Oliver diz que não pretende processar o apresentador. "Ele pode comprar advogado, pode calar minha boca", afirma

Por Juliana Pimenta

Silvio e Jennyfer: apresentador tirou o prêmio da cantora no domingo
Silvio e Jennyfer: apresentador tirou o prêmio da cantora no domingo -

Rio - Polêmico como sempre, Silvio Santos foi alvo de críticas nas redes sociais e, mais uma vez, virou um dos assuntos mais comentados do Twitter no país. A movimentação começou no último domingo quando o apresentador foi acusado de racismo e machismo durante a exibição do quadro 'Quem você tira?', no 'Programa Silvio Santos'.

Na ocasião, quatro mulheres disputavam o prêmio de melhor cantora da noite. Jennyfer Oliver foi a vencedora, de acordo com a votação da plateia, com mais de 70 pontos de diferença para a segunda colocada. Mas, na hora da entrega do dinheiro, o apresentador fez sua vontade valer, como de costume, e escolheu outra candidata, Juliani, à revelia da decisão do auditório.

"Se eu estivesse na minha casa, na minha opinião, a melhor intérprete seria você, Juliani! Você é muito bonita e canta muito bem, mais R$ 500 para a Juliani!", disse Silvio, ignorando o placar e levando o público à conclusão de que, por ser negra, Jennyfer foi preterida pelo apresentador.

Repercussão

Além dos comentários do público, alguns famosos se posicionaram pelas redes sociais. O youtuber Felipe Neto fez uma postagem no Twitter criticando a postura do apresentador. "Silvio Santos já provou que é um sujeito misógino e racista. Dessa vez, conseguiu se superar. Ao ver que uma negra tinha vencido seu concurso no voto popular, ignorou o resultado, deu mais dinheiro pra uma branca e disse que ela era melhor e 'muito bonita'", comentou.

A influenciadora Dora Figueiredo também criticou o apresentador e chegou a levantar uma hipótese de demissão. "Não tem ninguém pra demitir o Silvio Santos da própria emissora? Sei lá sabe, aposentar, a emissora é dele, ok, mas não é feita só de pessoas racistas. Não é possível que as pessoas em cargo de chefia não falem: 'poxa não tá na hora de afastar o homem, não?'", questionou.

Vítima

Já Jennyfer Oliver, a principal vítima do caso, escolheu o Instagram para se pronunciar sobre o assunto. Pela rede social, a cantora disse que se sentiu constrangida até em um outro momento, quando Silvio interrompe sua apresentação. "Quem assistiu viu. O povo sentiu a situação. Eu fiquei superconstrangida no momento, mas como demorou três semanas para ir ao ar, eu não podia mencionar nada sobre o assunto, e muito menos expor nada, porque o programa não havia passado", disse.

"Eu jurava que ia ser editado, e eles iriam pular essa parte que ele me barrou de cantar a música. Ele escutou as três cantarem, e quando chegou na minha vez ele barrou, falou que a música era muito chata. Enfim, se a música era chata, ele deveria ter parado pela primeira vez. E outra: quem escolheu foi a própria produção, não foi nenhuma de nós", contou a cantora, que não pretende processar o apresentador. "Não vai adiantar, vai continuar do mesmo jeito. O que manda é o dinheiro, ele pode comprar advogado, pode calar minha boca", completou.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários