Anitta fala sobre vazamento de música nova: 'Estou me sentindo a Madonna'

A nova música 'Deixa ele sofrer', que seria lançada na quinta-feira, vazou nas redes na madrugada desta quarta

Por tabata.uchoa

Rio - A música "Deixa ele sofrer", do CD novo de Anitta, seria lançada na quinta-feira às 18h, quando ela entraria ao vivo em seu canal do YouTube e lançaria o clipe. Mas houve um vazamento na web na madrugada desta quarta-feira e o novo hit já está sendo tocado em todas as rádios do Brasil, de acordo com a própria Anitta.

Anitta fala sobre vazamento de sua música no SnapchatReprodução Internet

Em seu Snapchat, cantora ainda disse que não sabia do ocorrido e garantiu que não foi uma jogada de marketing. "Gente, eu estou no chão! Acabei de chegar de viagem e descubro que a minha música nova vazou na internet. Não, isso não foi uma estratégia de marketing. Sim, eu gostaria bastante que a primeira vez que vocês ouvissem a música fosse junto com o clipe. Porém eu sou uma pessoa positiva e sempre vejo o lado bom das coisas, no caso estou me sentindo a Madonna porque essas coisas só acontecem com essa gente.".

A cantora ainda confessou que passou um bom tempo tentando descobrir o que tinha acontecido e resolver o problema. "Nem a minha mãe tinha essa música. 'Como os as fãs tem as músicas e eu não tenho?!'. Ela [mãe de Anitta] fica revoltada quando as pessoas veem as coisas antes dela. Nem o boy que estou deixando sofrer tinha a música. Mas às 4h30 da manhã já tinha resolvido tudo e agora vamos todos fingir que não existem esses links piratas com minha música.".

Para não ficar para trás, o canal da cantora postou o áudio da música. Na quinta-feira, às 18h o clipe será lançado e Anitta entrará ao vivo para falar com os fãs.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia