Após saudação nazista, ídolo holandês é retirado de versão de lendas do Fifa 2020

Marco Van Basten é um dos maiores atacantes da história da Holanda

Por O Dia

Marco Van Basten
Marco Van Basten -
Rio - O ídolo holandês Marco Van Basten segue sofrendo as consequências da infeliz saudação nazista que fez em um programa de TV. Ele foi removido da versão Modo FIFA Ultimate Team, do jogo FIFA 20, que faz homenagem a jogadores históricos. 
O ex-atacante fez uma piada com a expressão “sieg Heil”, uma saudação nazista para comemorar vitórias do exército alemão. O comentário ocorreu na transmissão da "Fox Sports" da Holanda, durante a partida entre Ajax e Heracles, no último sábado, pelo Campeonato Holandês. O vídeo viralizou nas redes sociais e devido à repercussão, e a emissora suspendeu o ídolo por uma semana.
Marco Van Basten, de 55 anos, liderou a Holanda na principal conquista da sua história: a Eurocopa de 1988. Além disso, ele marcou época como jogador do Milan, tendo conquistado duas Ligas dos Campeões.
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários