Naufrágio deixa 46 mortos no Golfo de Áden, diz ONU

Dezesseis pessoas estão desaparecidas; parte do grupo chegou viva a uma praia no Iêmen

Por O Dia

Iêmen - A agência da ONU para as migrações informou nesta quarta-feira que ao menos 46 migrantes, aparentemente etíopes, morreram afogados quando a embarcação onde estavam naufragou ao se aproximar do Iêmen, depois de ter cruzado o Golfo de Áden.

A equipe da Organização Internacional das Migrações (OIM), presente no local, conseguiu ajudar os que chegaram vivos a uma praia do Iêmen, e assinalou que "46 migrantes se afogaram, 37 homens e nove mulheres", indicou a OIM no comunicado, acrescentando que há 16 desaparecidos.

Últimas de Mundo & Ciência