China fechará fronteiras para a maioria dos estrangeiros

País não detecta novos casos de coronavírus por transmissão local, oficialmente, há dois dias. No entanto, os casos provenientes de gente que regressa do exterior aumentaram, totalizando 500

Por AFP

Arquivo
Arquivo -
Pequim - A China, o berço do novo coronavírus, fechará temporariamente suas fronteiras para estrangeiros com vistos ou autorizações de residência válidos devido à pandemia de covid-19, anunciou o ministério das Relações Exteriores.
A China não detecta novos casos de coronavírus por transmissão local, oficialmente, há dois dias. No entanto, os casos provenientes de gente que regressa do exterior aumentaram, totalizando 500.

O país, onde surgiu o novo coronavírus em dezembro, também reduzirá drasticamente a chegada de voos internacionais.

"A suspensão é uma medida provisória que a China é forçada a tomar para lidar com a epidemia, referindo-se às práticas de vários outros países", afirmou a chancelaria em comunicado.

A medida entrará em vigor à 0h (13h de sexta-feira no horário de Brasília).

Comentários