OMC e OMA emitem comunicado conjunto em defesa de comércio de bens essenciais

Entidades disseram concordar em um trabalho conjunto que minimize a interrupção do comércio transfronteiriço de bens, em particular aqueles essenciais para combater o novo coronavírus

Por ESTADÃO CONTEÚDO

São Paulo - A Organização Mundial do Comércio (OMC) e a Organização Mundial das Alfândegas (OMA) emitiram comunicado conjunto na tarde desta segunda-feira, em defesa do comércio internacional de bens essenciais em meio à pandemia de covid-19.

As entidades disseram concordar em um trabalho conjunto que minimize a interrupção do comércio transfronteiriço de bens, em particular aqueles essenciais para combater o novo coronavírus.

"Como a Covid-19 continua a se espalhar globalmente e os governos consideram novas medidas para proteger a saúde e o bem-estar de seus cidadãos, instamos os membros a garantirem que qualquer nova ação de fronteira seja direcionada, proporcional, transparente e não discriminatória", diz o comunicado.

Comentários