A agência reguladora europeia autorizou em 21 de dezembro a vacina da Pfizer/BioNTech - AFP
A agência reguladora europeia autorizou em 21 de dezembro a vacina da Pfizer/BioNTechAFP
Por AFP
Haia, Holanda - A Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês) recomendou, nesta sexta-feira (8), o uso de uma dose suplementar por frasco da vacina Pfizer/BioNTech contra a covid-19, passando de cinco para seis doses e aumentando a capacidade de vacinação em 20%.

"O Comitê de Medicamentos de Uso Humano (CHMP) da EMA recomendou atualizar as informações sobre o produto (...) para precisar que cada frasco contém seis doses de vacina", declarou em um comunicado esta agência instalada em Amsterdã.

Este órgão autorizou em 21 de dezembro esta vacina do laboratório alemão BioNTech e da americana Pfizer.

O uso de uma dose suplementar por frasco vai acelerar o número de pessoas vacinadas na Europa, onde a campanha de vacinação teve início em 27 de dezembro.

Para isso, serão utilizadas seringas especiais, segundo a EMA.

A notícia coincide com o anúncio pela UE da aquisição de 300 milhões de doses adicionais da vacina desses dois laboratórios, ou seja, o dobro do inicialmente planejado.