Deputado federal Marco Antonio Cabral - Reprodução
Deputado federal Marco Antonio CabralReprodução
Por
Publicado 14/12/2017 20:25 | Atualizado 14/12/2017 22:00

Porta-voz das gestões do pai, Sérgio Cabral, hoje preso, no governo do Rio, o deputado Marco Antônio Cabral está revoltado com estudo da Firjan, do presidente Eduardo Eugênio, que sempre elogiou Cabral, mas agora vê maquiagem nos números em estudo. "O governo de Cabral foi o que mais trouxe indústrias e emprego para o estado. Ganhou dois graus de investimento de agências de risco. Gostaria de saber quando vão fazer estudo de como ficar 24 anos à frente da Firjan", provoca o deputado, em referência à gestão de Eugênio.

Você pode gostar
Comentários