Mais Lidas

Segundo juiz ordena que Washington mantenha programa que protege imigrantes

Aprovado pelo ex-presidente Barack Obama em 2012, o decreto protegia da deportação milhares de pessoas que chegaram aos Estados Unidos em situação clandestina ainda crianças

Por AFP

Presidente americano, Donald Trump
Presidente americano, Donald Trump -

Washington - Um segundo juiz americano bloqueou, nesta terça-feira, a decisão do governo de por fim ao programa DACA, que protege da deportação cerca de 700.000 jovens imigrantes.

O juiz Nicholas Garaufis, da corte do Brooklyn, decidiu a favor de um processo apresentado por 17 procuradores gerais e um grupo de jovens imigrantes conhecidos como "Dreamers" e ordenou manter o programa nos mesmos termos e condições.

Aprovado pelo ex-presidente Barack Obama em 2012, o decreto protegia da deportação milhares de pessoas que chegaram aos Estados Unidos em situação clandestina ainda crianças.

Em setembro passado, Trump anunciou sua decisão de acabar com o programa. Antes de torná-la efetiva, deu um prazo de seis meses - até março - para que o Congresso encontrasse uma solução.

A data de expiração do programa, em 5 de março, não é definitiva, já que um juiz de San Francisco bloqueou temporariamente o fim da proteção do DACA.

Trump culpa pelos ataques terroristas internos e por crimes violentos os beneficiários da loteria de "green cards" e a reunificação familiar.

"Precisamos de um sistema migratório do século 21, com base no mérito", disse ele no Twitter no início de fevereiro.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários