Mais Lidas

Casal flagrado com filhotes de macacos-prego é multado em R$ 82 mil

Os pequenos primatas estavam acondicionados em caixas de papelão, escondidas sob os bancos do veículo

Por lucas.cardoso

São Paulo - Um casal foi flagrado pela Polícia Rodoviária Estadual transportando cinco filhotes de macaco-prego no interior do carro em que viajavam, na noite desta quarta-feira, em Itatinga, no interior de São Paulo. O veículo foi parado em um pedágio, no km 208 da Rodovia Castelo Branco, após a condutora ter mudado de cabine ao se deparar com os policiais. No carro, viajava também uma criança de 2 anos, filha do casal. Os pequenos primatas estavam acondicionados em caixas de papelão, escondidas sob os bancos do veículo.

Encontrados em caixas de papelão dentro do carro%2C filhotes foram levados para Central de Polícia Judiciária de BotucatuDivulgação / PRF

O homem, de 35 anos, e sua mulher, de 34, disseram que tinham recebido os filhotes de uma família de Londrina, no Paraná, e iam levá-los para São Paulo, onde seriam criados na casa deles.

Os dois foram levados à delegacia de Polícia Civil de Botucatu, onde funciona o plantão policial, e autuados por crimes ambientais - tráfico de animais silvestres e maus tratos. A Polícia Ambiental, que acompanhou a elaboração da ocorrência, multou o casal em R$ 82 mil pela captura e pela posse de animais da fauna nativa brasileira. Os dois, que não tiveram os nomes divulgados para preservar a criança, foram ouvidos e liberados.

Os filhotes foram levados para o Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (Cempas), da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Botucatu, onde serão tratados até a soltura.

Outro caso

No dia 5 de novembro, em Ourinhos, quatro filhotes foram resgatados pela polícia quando eram levados em uma bolsa, no bagageiro de um ônibus.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia