Conselho Federal decreta intervenção no Conselho Regional de Administração do Pará

Autarquia realizou auditoria que constatou o uso fraudulento da base cadastral de eleitores do Conselho Regional

Por O Dia

Belém - O Conselho Regional de Administração do Pará (CRA-PA) estará sob intervenção do Conselho Federal de Administração até o dia 31 de agosto. A decisão, baseada na constatação de fraude nas eleições de outubro de 2018 para renovação dos membros do Plenário do CRA-PA, foi publicada no Diário Oficial da União da última sexta-feira (25).

Após receber denúncia, a Autarquia realizou auditoria que constatou o uso fraudulento da base cadastral de eleitores do Conselho Regional. Entre as irregularidades estão: votos de pessoas já falecidas e com Cadastros de Pessoas Físicas (CPFs) não registrados no Sistema CFA/CRAs.

Nas eleições de outubro de 2018, venceu por sete votos de diferença a chapa integrada por Mizael Monteiro Lima, filho do ex-presidente do CRA-PA, José Célio Santos Lima. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários