José Maria aparece sorridente em elevador do prédio onde mora, horas depois do acidente - Reprodução
José Maria aparece sorridente em elevador do prédio onde mora, horas depois do acidenteReprodução
Por O Dia
São Paulo - Após atropelar e matar a ciclista Marina Harkot, o motorista responsável pelo acidente, João Maria da Costa Junior, foi flagrado sorrindo no elevador do prédio onde mora, horas depois do ocorrido. Nas imagens da câmera de segurança, o homem aparece conversando com uma mulher e sorrindo, sem demonstrar nervosismo ou abatimento pelo atropelamento. As informações são da GloboNews. 
João Costa Júnior se apresentou a polícia, na tarde desta terça-feira, no 14º Distrito Policial (Pinheiros), onde prestou depoimento e foi liberado. Após o acidente, o homem fugiu sem prestar socorros à ciclista, mas um motoqueiro acompanhou o atropelamento e anotou a placa do carro que Costa Júnior dirigia. O carro foi encontrado no Centro de São Paulo e encaminhado para a delegacia.
Publicidade
A polícia pediu a prisão preventiva do motorista, mas ainda aguarda o retorno da Justiça, por conta da Legislação Eleitoral que proíbe a prisão de eleitores cinco dias antes das eleições. O caso é investigado como homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e fuga do local do acidente.