Governador de São Paulo, João Doria
Governador de São Paulo, João DoriaDivulgação Governo de SP
Por IG - Último Segundo

O governador de São Paulo, João Doria, publicou em rede social neste domingo (7) que apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, classificados como "bolsonaristas loucos", ameaçaram sua família e sua casa.

Ex-aliado e hoje desafeto de Bolsonaro, Doria tem sido alvo de apoiadores do presidente por suas posições na pandemia em defesa do distanciamento social e a adoção de medidas restritivas, necessárias para minimizar a disseminação do novo coronavírus. O governador já foi atacado publicamente pelo presidente em diferentes ocasiões, o que incentivou ataques virtuais de apoiadores e culminou em ameaças.

"Bolsonaristas loucos tentam me intimidar com novas ameaças contra mim e minha família. Agora ameaçam minha casa e nossa família", relatou Doria.

Bolsonaristas loucos tentam me intimidar com novas ameaças contra mim e minha família. Agora ameaçam minha casa e nossa família.
Além de pedir apoio policial e tomar medidas legais, quero registrar meu repúdio a este comportamento. Onde vai parar o Brasil com tanta conflagração?

— João Doria (@jdoriajr) March 7, 2021

O governador disse que "além de pedir apoio policial e tomar medidas legais, quero registrar meu repúdio a este comportamento". O tucano completou ainda questionando "Onde vai parar o Brasil com tanta conflagração?"

Neste sábado (6), São Paulo retornou à fase vermelha, em que apenas serviços considerados essenciais podem funcionar, o que motivou novos ataques de pessoas contrárias ao isolamento social, muitas delas apoiadoras de Bolsonaro. Presidente e governador trocaram ataques públicos nesta semana, com Doria responsabilizando Bolsonaro pela situação grave da pandemia no Brasil.

Você pode gostar