Jota Quest se apresenta no Vivo Rio

Grupo traz neste sábado show do DVD 'Acústico', que oferece nova roupagem a hits como 'Fácil' e 'As Dores do Mundo'

Por BRUNNA CONDINI

Jota Quest apresenta o projeto 'Acústico': a maior parte do repertório é composta por grandes hits
Jota Quest apresenta o projeto 'Acústico': a maior parte do repertório é composta por grandes hits -

Rio - Antes de tudo, o Jota Quest é uma grande família. A formação é estável desde os primeiros anos de sucesso, a gravadora (Sony) é a mesma, os fãs são fiéis e dedicados. E seguem com a banda em projetos como o 'Acústico Jota Quest Músicas Para Cantar Junto', que chega ao palco do Vivo Rio neste sábado, com um presente para os admiradores que não vão poder ir à casa de shows: a apresentação, marcada para 21h, ganha transmissão no Canal Bis.

"Tenho mais tempo de família Jota Quest do que com a minha própria família, desde que cheguei do interior para Belo Horizonte. É uma relação intensa, mas muito feliz", conta o vocalista Rogério Flausino. O cantor nasceu em Alfenas, mas mora na capital mineira, é casado com Ludmila Carvalho, e pai de Nina (11) e Miguel (4). "Minha rotina é de gente normal. Faço um pouco de ginástica de manhã e depois sigo de 'pai-torista' o dia todo", brinca.

Ele, Marco Túlio Lara (guitarra e vocal), PJ (baixo), Paulinho Fonseca (bateria) e Marcio Buzelin (teclados) repaginam hits como 'Encontrar Alguém', 'O Que Eu Também Não Entendo', 'O Vento', 'As Dores do Mundo' (cover de Hyldon que foi um dos primeiros sucessos do grupo) e apresentam novidades como 'A Vida e Outras Histórias' (parceria com Leoni) e 'Pra Quando Você Se Lembrar de Mim'. "O 'Acústico' é uma novidade em nossa trajetória, mas não deixa de ser também um projeto comemorativo e revisional. Então, decidimos que a maior parte do repertório, uns 80%, deveria ser mesmo composta pelos grandes hits, de todas as fases da carreira, no formato", conta o vocalista, que prefere nem escolher qual música faz com que ele se emocione mais ao cantar.

"É muito difícil escolher seu filho predileto. E existem muitas diferentes emoções relacionadas as canções", conta, citando músicas como 'Encontrar Alguém', 'Fácil' ("nossa primeira canção de violão"), 'Na Moral'... "São muitas emoções", brinca. O grupo também vem lançando EPs digitais com faixas que sobraram do projeto. "Saiu o primeiro em maio, e o segundo está a caminho", diz Flausino. 

Comentários

Últimas de Diversão