Empresa é condenada indenização para Glória Pires

Imagens da atriz foram usadas sem autorização em campanhas na internet

Por O Dia

Glória Pires -

Rio - A empresa Nutralogistic foi condenada na Justiça a pagar R$ 40 mil de indenização para a atriz Glória Pires. A artista processou a empresa por danos materiais e morais por usar, sem autorização, sua imagem em campanhas no Facebook e em sites de beleza. A empresa divulgava fotos da atriz em propaganda de creme contra rugas na internet.

A decisão é da juíza Maria Cristina Slaibi, da 3ª Vara Cível do Rio. Ainda cabe recurso. Na sentença, a juíza alegou que ao atrelar a imagem de Glória Pires aos produtos, a empresa induz fãs e consumidores a comprarem, uma vez que eles acreditariam que a atriz faz uso dos cosméticos. 

Em maio do ano passado, a Nutralogistic já havia sido condenada a pagar os R$ 40 mil para a atriz por danos morais. O processo é de 2012 e o valor atualizado chegou a R$ 80 mil na época. 

Comentários