Mais Lidas

Roger é criticado após comentário sobre tortura de crianças na ditadura

Integrante do Ultraje a Rigor comentou notícia sobre o livro 'Infância Roubada', que reúne histórias de crianças presas, torturadas ou exiladas durante o Regime Militar

Por O Dia

Roger Moreira, da banda Ultraje a Rigor
Roger Moreira, da banda Ultraje a Rigor -

Rio - Um comentário feito pelo Roger, guitarrista da banda "Ultraje a Rigor", revoltou internautas. O músico postou em seu Twitter uma notícia sobre o livro "Infância Roubada", que reúne histórias de crianças presas, torturadas ou exiladas durante a ditadura no Brasil, e justificou a prática. "A culpa é dos pais dessas crianças. Foram presos por conspirarem contra o Brasil. Pensaram nas crianças ao se envolverem?", escreveu ele. 

Imediatamente, o comentário gerou reações dos usuários da rede social, que repudiaram a fala. "Justificar a tortura de crianças é o fim da linha heim Roger? O abismo civilizatório começa aí, triste ver alguém com QI tão alto defender um absurdo desse", escreveu uma pessoa. "Lamento, mas você extrapolou", disse outro. "Saudades do tempo que músico decadente afogava as mágoas na bebida e drogas, não em fetiche por tortura de criança", ironizou outro. 

Atualmente, Roger e o Ultraje se apresentam no talk show "The Noite", apresentado pelo humorista Danilo Gentilli, no SBT. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários