Sertaneja é agredida pelo ex-namorado e irmão dela atropela suspeito

De acordo com relato da sertaneja, o acusado a persegue há dois meses, tempo no qual decidiu romper o relacionamento de cerca de um ano por conta de crises de ciúmes dele

Por Istoé

Adriana Regina
Adriana Regina -

Rio - A cantora sertaneja Adriana Regina, que faz dupla com Patrícia, denunciou à Polícia Civil de Mato Grosso do Sul que apanhou e teve seu carro destruído pelo ex-namorado em Campo Grande, de acordo com informações do UOL.

Segundo a reportagem, os irmãos da cantora foram cobrar a dívida pelo conserto do veículo e acabaram trocando agressões em frente à casa da mãe do acusado.

De acordo com relato da sertaneja, o acusado a persegue há dois meses, tempo no qual decidiu romper o relacionamento de cerca de um ano por conta de crises de ciúmes dele. Ela afirma ainda que o ex-namorado invadiu sua casa e começou a vasculhar o local. Quando a viu, lhe agrediu com um chute.

Adriana relata que se trancou no banheira e ligou para a polícia. O acusado foi embora, mas não sem antes fazer ameaças e quebrar o carro dela.

A cantora exigiu ressarcimento dos danos causados pelo ex, mas ele se negou a pagar. Dois irmãos de Adriana resolveram então ir cobrar a dívida pessoalmente. "Ele (o ex) já saiu da casa com um espeto de churrasco na mão”, disse o advogado de Adriana, Rafael Rodrigues.

Ainda de acordo com o UOL, o ex-namorado tentou fugir correndo pela rua, mas foi perseguido por um dos irmãos da cantora que teria lhe atropelado e o prensado junto a um portão.

Comentários