Leandro Hassum e seu médico, o cirurgião bariátrico Cid Pitombo  - Foto de arquivo
Leandro Hassum e seu médico, o cirurgião bariátrico Cid Pitombo Foto de arquivo
Por O Dia
Rio - O ator Leandro Hassum publicou hoje em seu story, no Instagram, uma mensagem cheia de carinho homenageando o médico Cid Pitombo, que está completando dez anos à frente do Programa de Cirurgia Bariátrica, do Hospital Estadual Carlos Chagas, no Rio de Janeiro. Esse é o único serviço público do país que realiza 100% dos procedimentos por videolaparoscopia, e já viabilizou a cirurgia gratuita para 3.500 pessoas do estado do Rio. 

Galeria de Fotos

No alto, Leandro Hassum em apresentação no novo formato, no Allianz Parque, em São Paulo Reprodução Instagram
Leandro Hassum Divulgação
Hassum: "Feliz em fazer parte da retomada da cultura" Divulgação
Leandro Hassum e seu médico, o cirurgião bariátrico Cid Pitombo Foto de arquivo
Leandro Hassum Divulgação
Leandro Hassum será atração no Drive In das Artes neste fim de semana, com apresentação amanhã (duas), no sábado (duas) e no domingo Reprodução
Leandro Hassum Reprodução
O Candidato Honesto 2, com Leandro Hassum Desiree do Valle
Leandro Hassum Estevam Avellar/ Divulgação/ TV Globo
Publicidade
Hassum também foi paciente do médico, em sua clínica particular na Barra, e o conheceu por meio do ator André Marques. Os dois se tornaram ícones na TV brasileira em prol dos benefícios da transformação proporcionada pelas bariátricas.

"Todo mundo sabe que há quase 7 anos fiz uma transformação na minha vida. Fiz minha cirurgia e estou com mais saúde, estou melhor. Devo muito disso ao médico Cid Pitombo e ao André Marques. E esse post aqui é para dar parabéns ao dr. Cid Pitombo pelo trabalho que ele vem realizando há 10 anos, que está sendo completado agora dia 1o. de setembro, no Hospital Estadual Carlos Chagas. Onde ele já realizou cirurgias no combate a essa doença, que é a obesidade. Dr Cid, aqui fica meu apoio. Parabéns ao Hospital Carlos Chagas e a você por fazer um trabalho tão bonito e ajudar tanta gente a se tratar dessa doença", disse Leandro Hassum.