Flamengo e Fluminense assinam termo de continuidade da gestão do Maracanã

Clubes estarão à frente do estádio por mais seis meses

Por O Dia

Maracanã
Maracanã -
Rio - O presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, e o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, assinaram na última quinta-feira o novo termo de permissão para a cogestão do Maracanã, que terá duração até abril de 2020. A renovação da permissão foi publicada na edição desta segunda no Diário Oficial do Estado. O protocolo, realizado no Salão Verde do Palácio Guanabara, contou com a presença do secretário estadual de esporte, lazer e juventude, Felipe Bornier. Antes das assinaturas, os mandatários foram recepcionados pelo Governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel.
"Tivemos uma experiência excelente durante esses seis meses que estivemos no controle do Maracanã. Conseguimos neste tempo resolver alguns problemas crônicos do estádio e estamos muito animados com essa renovação até o mês de abril do próximo ano. Mas paralelo a isso, estamos elaborando o nosso PMI (Procedimento de Manifestação de Interesse), divulgado no mês passado pelo Governo do Estado, e que suportará o Edital de Licitação de Concessão do Maracanã pelos próximos 35 anos ", afirma Landim.
"Celebramos mais uma importante etapa na continuidade da boa gestão no Maracanã que nos garantirá a utilização do estádio por mais seis meses. A partir de agora vamos trabalhar ainda mais, junto com o nosso parceiro Flamengo, para conseguirmos a gestão do estádio pelo período da concessão", enfatizou o presidente tricolor Mário Bittencourt.
O contrato diz que os clubes terão que assumir os custos de manutenção do estádio, estimados em R$ 2 milhões por mês, além de seis parcelas no valor de R$ 166,6 mil, que totalizarão cerca de R$ 1 milhão valor que será repassado ao Estádio de Atletismo Célio de Barros e ao Parque Aquático Júlio Delamare.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários