Cariocas com 57% de risco de rebaixamento

Segundo Tristão Garcia, há 1% de possibilidade de dois clubes do Rio caírem juntos e 43% de todos se salvarem da degola

Por

O Tricolor voltou ao Z-4 na rodada passada. Risco de queda é de 56%
O Tricolor voltou ao Z-4 na rodada passada. Risco de queda é de 56% -

O matemático Tristão Garcia tem uma boa e uma má notícia para tricolores, alvinegros e cruzmaltinos em relação às possibilidades de rebaixamento para a Série B do Brasileiro. Primeiro, a boa: a nove jogos do fim da competição, a chance de nenhum clube carioca cair é de 43%. A ruim, porém, aponta que há 57% de certeza de que Fluminense, Botafogo ou Vasco estejam na na zona da degola na última rodada. Outro motivo de alívio para os torcedores consiste no ínfimo perigo de dois ou mais arquirrivais caírem juntos: 1%.

Com uma vitória nos últimos quatro jogos, o Fluminense voltou ao Z-4 na última rodada e é o mais ameaçado de queda, com 56%, seguido de Botafogo (15%) e Vasco (2%), que, segundo Tristão, não tem mais chances de ir à Libertadores. Como Avaí e Chapecoense aparecem com 99% de risco e o CSA está com 66%, os cariocas, avisa o matemático, dependem apenas deles para escapar da degola.

"Os jogos a partir de agora serão decisivos ao extremo e qualquer tropeço pode ser fatal. Cruzeiro (26%) e Ceará (21%) também estão muito ameaçados e há a possibilidade de nenhum clube carioca cair", avalia Tristão, que vê outros candidatos ao Z-4: Goiás (1%), Fortaleza (6%) e Atlético-MG (9%).

Tristão chama atenção para o desnível do futebol carioca, já que o Flamengo, com 93% de chances de ser campeão sobre Palmeiras (6%) e Santos (1%), está muito à frente dos rivais regionais. "Nunca vi isso desde a criação dos pontos corridos, em 2006. O líder Flamengo tem 30 pontos de vantagem sobre o Vasco. É um desnível inédito e muito grande", frisa.

Ao levar em consideração apenas o G-4, Tristão vê Flamengo e Palmeiras certos na Libertadores (99% de chances). O Santos (94%) é outro forte candidato, seguido por São Paulo (40%), Internacional (18%), Corinthians (8%), Bahia (1%) e Goiás (1%).

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Alberto Valentim: no comando do Botafogo, técnico ganhou somente um em seis jogos Vitor Silva/SSPress/Botafogo
O Tricolor voltou ao Z-4 na rodada passada. Risco de queda é de 56% Lucas Merçon / Fluminense FC
Vista noturna da piscina do Campo dos Afonsos Residencial Club, com dois blocos e 198 apartamentos DIVULGAÇÃO

Comentários