Após ser desligado de emissora, narrador cobra R$ 1,5 milhão na Justiça

Ele trabalhou na empresa por 14 anos

Por O Dia

ESPN Brasil
ESPN Brasil -
Rio - Ex-narrador da ESPN Brasil, Dudu Monsanto, entrou na Justiça cobrando uma indenização de  R$ 1,58 milhão. Ele deixou a emissora no fim do ano passado, após 14 anos sendo funcionário dela. As informações são do portal "UOL".
De acordo com o portal, Dudu Monsanto prestava serviços como pessoa jurídica à emissora. O contrato do narrador se encerrava no fim do ano passado, e a ESPN Brasil acabou não renovando.  A ação tramita na 71ª Vara do Trabalho. 

Em sua trajetória na emissora, além de narrador, Dudu Monsanto foi responsável por apresentar programas como Bola da Vez, Sportscenter, Bate Bola e o Pontapé Inicial.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

ESPN Brasil Reprodução
Dudu Monsanto Reprodução de TV

Comentários