Mais Lidas

Vídeo mostra drama de sírios após bombardeio

Ao todo, cem pessoas morreram no ataque realizado em reduto rebelde na cidade de Damasco

Por O Dia

Vídeo mostra sírios tentando se proteger após bombardeio
Vídeo mostra sírios tentando se proteger após bombardeio -

Damasco - Um vídeo compartilhado nas redes sociais nesta segunda-feira mostra o drama e desespero de sírios logo após um bombardeio contra reduto rebelde próximo a cidade de Damasco, capital do país. Os ataques desta segunda-feira deixaram cem mortos e 450 feridos. 

Nas imagens, é possível ver um dos pontos do ataque completamente em ruínas, enquanto alguns socorristas tentam orientar os sobreviventes a deixar o local rapidamente. Desesperados, diversas pessoas gritam pedindo ajuda. 

"(Os ataques) têm que parar imediatamente", disse o coordenador da ONU para a Ajuda Humanitária na Síria, Panos Moumtzis. Ele ressaltou que a guerra atrapalha ainda mais a vida dos cidadãos sírios que já passam por necessidades. 

"A recente escalada de violência agrava uma situação humanitária que já é precária para os 393.000 habitantes de Guta Oriental, onde muitas pessoas estão deslocadas (...) O regime bombardeia intensamente Guta Oriental com o objetivo de uma ofensiva terrestre", explicou o coordenador da ONU. 

A guerra na Síria, que começou com a repressão brutal de manifestações que pediam reformas, se tornou um conflito extremamente complicado com o envolvimento de grupos jihadistas e potências regionais e internacionais. Paralelamente, na região de Afrin, noroeste do país, a Turquia executa desde 20 de janeiro uma ofensiva contra uma milícia curdo-síria, as Unidades de Proteção Popular (YPG), que considera um grupo "terrorista". 

Com informações da AFP

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários