Incêndios matam dez pessoas, incluindo seis crianças, na Rússia

As crianças, uma de dois anos e as outras duas de quatro anos, haviam sido deixadas sozinhas em casa, de acordo com a agência de notícias russa RIA Novosti

Por AFP

Três crianças morreram em um incêndio em um vilarejo em Bashkortostan, no sul dos montes Urais, segundo a agência de notícias RIA Novosti
Três crianças morreram em um incêndio em um vilarejo em Bashkortostan, no sul dos montes Urais, segundo a agência de notícias RIA Novosti -

Moscou - Seis crianças e quatro adultos morreram, neste domingo, em incêndios residenciais em várias cidades da Rússia, informou a imprensa local.

Três crianças morreram em um incêndio em um vilarejo em Bashkortostan, no sul dos montes Urais, segundo a agência de notícias RIA Novosti.

As crianças, uma de dois anos e as outras duas de quatro anos, haviam sido deixadas sozinhas em casa, de acordo com a agência.

Mais duas crianças morreram em um incêndio em Krasny Kut, na região de Saratov (sul), informou a agência de notícias Interfax.

Paralelamente, uma criança e dois adultos morreram num incêndio em Kazan, capital do Tartaristão, de acordo com o ministério de Situações de Emergência da República da Federação Russa (sudoeste).

Enquanto isso, dois adultos morreram e três crianças ficaram feridas em um incêndio em uma casa em Peresvet, na região de Moscou, segundo a RIA Novosti.

Devido à corrupção, as normas de segurança contra incêndios são frequentemente negligenciadas na Rússia, enquanto as autoridades emitem autorizações de construção por meio de pagamento de propina.

Um total de 64 pessoas, incluindo 41 crianças, morreram em março no incêndio de um shopping center na cidade de Kemerovo, na Sibéria.

Últimas de Mundo & Ciência