Sobrinha-neta de García Márquez é resgatada após sequestro na Colômbia

Melisa Martínez García, de 34 anos, havia sido sequestrada em agosto ao deixar uma fazenda perto da cidade caribenha de Santa Marta

Por AFP

Presidente colombiano, Ivan Duque
Presidente colombiano, Ivan Duque -

Bogotá - As forças de segurança da Colômbia resgataram nesta segunda-feira a sobrinha-neta do falecido escritor Gabriel García Márquez, sequestrada há cinco meses no norte do país, e prenderam 11 de seus captores - anunciou o presidente Iván Duque.

"Na parte da manhã, em uma operação coordenada das forças de segurança (...) Melisa Martínez García foi libertada no departamento de Magdalena", disse o presidente a jornalistas em Bogotá.

A mulher, de 34 anos e nascida em Maracaibo (Venezuela), foi "resgatada em uma operação impecável de inteligência humana, inteligência estratégica (desenvolvida) por vários meses para preservar sua vida e alcançar os líderes dessa organização", acrescentou.

A operação, em que 11 pessoas foram capturadas, ocorreu em uma área na fronteira com Sierra Nevada de Santa Marta, indicou o general Jorge Nieto.

Ele explicou que Martínez García estava nas mãos de "uma organização que tem uma incidência de crimes comum, mas seus líderes fazem parte de estruturas que pertenciam a grupos paramilitares".

A gangue criminosa exigia cinco milhões de dólares da família. Sequestrada em 23 de agosto quando deixava uma fazenda de bananas perto da cidade caribenha de Santa Marta, Martinez é neta de Luis Enrique García Márquez, irmão do autor de "Cem Anos de Solidão".

Últimas de Mundo & Ciência